Busca

O UNIVERSO MUSICAL
Quem Somos
Expediente
Cadastro
Publicidade
Fale Conosco
LINKS EXTERNOS
Blog
Universo Produções
Site Marcos Bin
Orkut
MySpace
Enquete
Você é a favor do ensino obrigatório de música nas escolas, como defendem alguns artistas? Acesse nosso blog e dê sua opinião!
  Jóia rara em CD e DVD

Divulgação
Ney Matogrosso define o CD e DVD Canto em Qualquer Canto, gravado no Sesc Pinheiro, como um disco de liberdade total
Por Marcos Paulo Bin
22/09/2005

Há mais de 30 anos, contando o tempo dos Secos & Molhados, Ney Matogrosso atua como um garimpeiro da MPB, em busca da pepita mais preciosa. À exceção do disco Vagabundo, lançado em 2004 com o grupo Pedro Luis e a Parede, o cantor, nos últimos anos, vem procurando suas jóias musicais em terrenos específicos. Foram os casos de Batuque, álbum em que releu o repertório brasileiro do início do século passado, e os dois CDs (de estúdio e ao vivo) em homenagem a Cartola.

No CD e DVD Canto em Qualquer Canto (Universal), o garimpo de Ney Matogrosso volta-se para seu próprio repertório. Mas, no auge da liberdade artística, o intérprete não se resumiu a um manjado “greatest hits”, com releituras óbvias de sucessos, superprodução e banda numerosa. Ney é acompanhado apenas de um quarteto de cordas formado por Marcelo Gonçalves (violão de 7 cordas), Pedro Jóia (alaúde e violão), Ricardo Silveira (guitarra e violão) e Zé Paulo Becker (viola e violão). O repertório privilegia canções mais obscuras da discografia do artista, trazendo também releituras e duas inéditas.

O disco surgiu a partir de um show que Ney Matogrosso fez em dezembro de 2004 no Sesc Pinheiros, em São Paulo, em comemoração ao aniversário do Canal Brasil. Convidado para uma apresentação voz-e-violão, o cantor sugeriu à emissora de TV a cabo ser acompanhado por três violonistas: Marcelo, Pedro e Ricardo, com que já trabalhara. Ao trio juntou-se Zé Paulo, músico egresso do choro carioca.

O resultado desse encontro de instrumentistas virtuoses e um cantor em plena forma é um disco sofisticado, fora dos padrões ditados por rádios ou MTV, e por isso mesmo simplesmente fantástico. O álbum começa com a faixa-título, composição de Ná Ozzeti e Itamar Assumpção gravada por Monica Salmaso no CD Voadeira, de 99, na qual Ney Matogrosso celebra sua profissão: “Vim cantar sobre essa terra/ antes de mais nada, aviso/ Trago facão, paixão crua/ E bons rocks no arquivo/ Tem gente que pia e berra/ Eu já canto, pio e silvo”.

A cada faixa Ney e os músicos mostram-se mais à vontade com o repertório. E a cada audição podem ser notadas diferentes nuances, novos solos intrincados, desvendando toda a beleza dos arranjos. A harmonia dos quatro músicos é evidente em todo o disco, seja na delicada Amendoim Torradinho ( Estava Escrito, 1994) ou na nervosa Oriente, de Gil (gravada pela primeira vez por Ney), com quase 10 minutos de duração.

Individualmente, o destaque é o português Pedro Jóia. Com seu alaúde e seu violão flamenco, o músico dá um show à parte, garantindo a canções como Bamboleô, Dos Cruces, Retrato Marrom e Bandolero o sotaque ibérico que Ney já demonstrava desde os tempos de Secos & Molhados – de cujo repertório resgata O Doce e o Amargo. Pedro também é autor das duas únicas músicas inéditas do disco: Uma Canção por Acaso e Duas Nuvens, ambas com Tiago Torres da Silva.

O repertório, de 14 músicas, ainda tem o sucesso Tanto Amar (Chico Buarque) e Já Te Falei, música dos Tribalistas gravada por Rita Lee no CD Balacobaco. A versão em DVD traz como diferencial um detalhado making of dos ensaios e da gravação.

Ney Matogrosso define Canto em Qualquer Canto como um disco de “liberdade total”. Com carta livre, escolheu o repertório e os músicos e participou da concepção dos arranjos. Acertou em tudo. O garimpeiro achou ouro, lapidou e o transformou em jóia rara.



Veja mais:


   Disco:  Canto em Qualquer Canto
     Ficha técnica, faixas e compositores

Matérias relacionadas:

  Ney Matogrosso homenageia Cartola


Resenhas relacionadas:

  Ney Matogrosso Interpreta Cartola Ao Vivo
 
Graça Music anuncia novidades à imprensa

Grupo Toque no Altar nos Estados Unidos

Metade do Pink Floyd em disco ao vivo de David Gilmour

Oasis mantém o (bom) padrão com Dig Out Your Soul
 
Confira outras matérias
desta seção
 

 

       

 
 
Copyright 2002-2008 | Universo Musical.
É proibida a reprodução deste conteúdo sem autorização escrita ou citação da fonte.
 
Efrata Music Editora Marcos Goes Marcelo Nascimento Dupla Os Levitas Universo Produções