Busca

O UNIVERSO MUSICAL
Quem Somos
Expediente
Cadastro
Publicidade
Fale Conosco
LINKS EXTERNOS
Blog
Universo Produções
Site Marcos Bin
Orkut
MySpace
Enquete
Você é a favor do ensino obrigatório de música nas escolas, como defendem alguns artistas? Acesse nosso blog e dê sua opinião!
  Cadê o suingue?

Divulgação
Mesmo não tão inspirado como em trabalhos anteriores, Seu Jorge continua chamando a atenção da imprensa internacional no CD Cru
Por Marcos Paulo Bin
08/09/2005

Logo na capa do CD, talvez só na cópia distribuída à imprensa, a gravadora estampa elogios rasgados da mídia internacional. “Um carisma fora do comum”, diz a revista “Rolling Stone”. “Inquestionavelmente uma estrela”, exalta o jornal britânico “The Guardian”. “A revelação da nova música brasileira”, arrisca o francês “Vibrations”. “Um álbum magnífico”, derrete-se o inglês “The Observer”. “Grande produção, simples e divertido onde deve ser”, encerra o “The New York Times”.

Todas essas palavras são para Seu Jorge e seu 2º CD solo, Cru. O disco foi gravado em 2004, na França, e lançado primeiramente na Europa, ano passado, pelo selo Naïf. Somente este ano chegou ao Brasil, via ST2. No encarte, instrumentos e ficha técnica são escritos em inglês.

Seu Jorge está mesmo bem cotado lá fora. Em agosto, o ex-vocalista do grupo Farofa Carioca fez três shows no Japão. No início de julho, lançou em Londres o DVD do filme “The Life Aquatic”, da Disney – onde atuou como ator e autor da trilha sonora, fazendo versões em português para músicas de David Bowie. Depois, seguiu para a Holanda e a França, onde passou o resto do mês fazendo shows.

Mas não é só por isso que a bola do cantor e compositor carioca está tão cheia no exterior. A imprensa internacional mostra-se entusiasmada pelo novo trabalho de Seu Jorge mesmo quando o artista não está em seu momento mais brilhante.

O suingue que Seu Jorge esbanjava no primeiro CD pós-Farofa Carioca, Samba Esporte Fino, e no DVD MTV Apresenta foi, senão totalmente, pelo menos em grande parte deixado de lado em Cru. No lugar dos metais em brasa, do samba-funk-pop-groove que o cantor herdou do antigo grupo, estão arranjos minimalistas. Algumas músicas são levadas apenas na voz e no violão; outras, só na voz e na percussão.

Como dá para perceber, em Cru Seu Jorge quis mostrar o lado cantor, intérprete, que é o mais fraco em sua carreira musical.

Releitura de Elvis

O começo do disco, com o cavaquinho “comendo solto” em Tive Razão – gravada anteriormente por Paula Lima – parece preparar a pista de dança. Mas as luzes se apagam logo na faixa seguinte, Mania de Peitão. O samba bem humorado, que ganhou um clima superdançante no DVD da MTV, em estúdio aparece em versão mais lenta, cadenciada, aquém da que foi mostrada ao vivo.

Logo depois, Seu Jorge apresenta uma adaptação feita com Dani Costa para Chantternon, do francês Serge Gainsbourg, que virou um samba sombrio, um tanto fúnebre. O cantor segue com os pés na Europa em Fiore de La Città, uma bossa composta por seu guitarrista, Robertinho Brant, e cantada em italiano.

No campo das baladas, Seu Jorge mostra criatividade na releitura de Don't, sucesso de Elvis Presley, em que o violão do artista mistura-se à cuíca de Pretinho da Serrinha. Ele não se sai tão bem na versão intimista de São Gonça, muito melhor na gravação do Farofa Carioca, mas volta a fugir do lugar-comum recriando no formato voz-e-violão o forró Bola de Meia, de Duani, do grupo Forróçacana, que fez parte da banda de Seu Jorge na gravação de MTV Apresenta.

Após Una Mujer, meio em português, meio em espanhol, o poliglota Seu Jorge encerra o disco com Eu Sou Favela, bem pinçada do repertório de Noca da Portela.

Em apenas 10 faixas, Seu Jorge mostra uma outra face de sua carreira musical. Quem o acompanha desde os tempos de Farofa Carioca sabe que o melhor do artista é o suingue contagiante de sua música, que o faz ser apontado como sucessor de Jorge Ben Jor. Característica que poderia aparecer mais em Cru, misturada ao desejo de ser Seu Jorge de buscar novos ares, o que não deixa de ser válido.



Veja mais:


   Disco:  Cru
     Ficha técnica, faixas e compositores

Matérias relacionadas:

  Seu Jorge lança CD no exterior, ganha DVD da MTV e faz show em São Paulo
 
Graça Music anuncia novidades à imprensa

Grupo Toque no Altar nos Estados Unidos

Metade do Pink Floyd em disco ao vivo de David Gilmour

Oasis mantém o (bom) padrão com Dig Out Your Soul
 
Confira outras matérias
desta seção
 

 

       

 
 
Copyright 2002-2008 | Universo Musical.
É proibida a reprodução deste conteúdo sem autorização escrita ou citação da fonte.
 
Efrata Music Editora Marcos Goes Marcelo Nascimento Dupla Os Levitas Universo Produções