Busca

O UNIVERSO MUSICAL
Quem Somos
Expediente
Cadastro
Publicidade
Fale Conosco
LINKS EXTERNOS
Blog
Universo Produções
Site Marcos Bin
Orkut
MySpace
Enquete
Você é a favor do ensino obrigatório de música nas escolas, como defendem alguns artistas? Acesse nosso blog e dê sua opinião!
  Rock moderno que revive o passado

Divulgação
O quarteto carioca Ramirez renega semelhanças com o Los Hermanos. “Quem faz este tipo de comparação não conhece nem o nosso trabalho nem o deles”, diz o guitarrista Rafael

Por Jailson Roque
03/07/2005


O Rio de Janeiro vem dando uma forte contribuição para a renovação do rock nacional. Os cariocas da banda Ramirez são um exemplo de roqueiros que têm conseguindo grande destaque dentro da nova cena. Com um rock simples, um pouco retrô, a banda agrega cada vez mais fãs, não só no Rio, mas em todo o Brasil. Prova disso é a existência de um grande fã-clube em São Paulo.

Formado por Thiago Pedalino (voz e guitarra), Rafael Cosme (guitarra e voz), Frank Dias (baixo e voz) e Matheus de Giacomo (bateria), o Ramirez destacou-se na última edição do festival Humaitá Pra Peixe, no Rio, e venceu o Prêmio Claro de Música Independente na categoria Revelação. Agora, já apontado como um grupo promissor, o quarteto lança seu álbum de estréia, intitulado simplesmente Ramirez, pela gravadora Performance Be Records, com distribuição da Universal Music.

“Nossa intenção é conseguir continuar viajando e fazendo shows pelo Brasil”, resume o guitarrista Rafael.

Uma das curiosidades sobre o Ramirez é o nome da banda, que foi escolhido por causa de um amigo dos rapazes.

“O Thiago e o Frank moravam em Minas Gerais, mesmo sendo cariocas. Um dia eles tinham uma apresentação para fazer. Daí resolveram chamar a dupla de Ramirez, apelido de um amigo nosso. O nome ficou e depois entramos eu e o baixista”, entrega Rafael.

Como nem tudo são flores na vida de um grupo de rock, o quarteto sofreu com as comparações feitas por críticos e por parte do público, que acham o estilo do Ramirez uma imitação dos conterrâneos do Los Hermanos.

“Não acho que tenhamos semelhanças com eles. Quem faz este tipo de comparação não conhece nem o nosso trabalho nem o deles”, dispara Rafael.

Novos reis do iê-iê-iê

O som do Ramirez pode até lembrar o dos Hermanos, mas também traz grandes influências dos pioneiros do rock nacional.

“Procuramos misturar o rock atual com o estilo do Roberto Carlos e da Jovem Guarda”, conta o guitarrista.

Influenciados também por bandas internacionais como Weezer e Beatles, o Ramirez realmente aderiu ao iê-iê-iê. Músicas como Te Esquecer e Vem Me Abraçar dão bem o clima que inspirou o grupo.

O CD homônimo da banda vem com 11 faixas inéditas, a maioria composta por Thiago Pedalino. As composições retratam histórias de amor e fatos do cotidiano juvenil.

O estilo do grupo é bem definido e a parte instrumental é muito bem representada, sem nenhum comprometimento. Alguém Melhor, canção que abre o CD, é o destaque do disco, que não pode ser considerado uma obra-prima, mas demonstra que a banda pode evoluir muito ainda.


Veja mais:


   Disco:  Ramirez
     Ficha técnica, faixas e compositores

 
Graça Music anuncia novidades à imprensa

Grupo Toque no Altar nos Estados Unidos

Metade do Pink Floyd em disco ao vivo de David Gilmour

Oasis mantém o (bom) padrão com Dig Out Your Soul
 
Confira outras matérias
desta seção
 

 

       

 
 
Copyright 2002-2008 | Universo Musical.
É proibida a reprodução deste conteúdo sem autorização escrita ou citação da fonte.
 
Efrata Music Editora Marcos Goes Marcelo Nascimento Dupla Os Levitas Universo Produções