Busca

O UNIVERSO MUSICAL
Quem Somos
Expediente
Cadastro
Publicidade
Fale Conosco
LINKS EXTERNOS
Blog
Universo Produções
Site Marcos Bin
Orkut
MySpace
Enquete
Você é a favor do ensino obrigatório de música nas escolas, como defendem alguns artistas? Acesse nosso blog e dê sua opinião!
  Sem pudor de ser brega

Marcos Paulo Bin
Depois de fazer muito sucesso com Faz uma Loucura por Mim, Alcione encara o CD Uma Nova Paixão como uma responsabilidade. “Preciso continuar tocando as pessoas”, avalia

Por Marcos Paulo Bin
20/07/2005


Um dia depois de fazer uma ponta na novela “América”, Alcione falou à imprensa sobre seu mais recente CD, Uma Nova Paixão (Indie Records). “Lady Brown”, como foi chamada no folhetim, lança o novo trabalho após o grande sucesso de Faz uma Loucura por Mim, que foi lançado na versão em CD de estúdio em 2004 e em CD e DVD ao vivo, este ano. Juntos, os três discos venderam mais de 300 mil cópias.

“É uma grande responsabilidade lançar um disco depois desse sucesso. Preciso continuar tocando as pessoas”, disse Alcione, em entrevista coletiva num hotel do Rio.

Para cumprir seu objetivo, a Senhora Marrom segue investindo nas canções românticas que, nos últimos anos, tornaram-na uma das artistas mais executadas em rádio no país. A maior parte das 16 faixas de Uma Nova Paixão fala de decepções amorosas, amores bandidos, relacionamentos problemáticos e paixões inabaláveis. Alcione defende seu repertório como se fosse um filho.

“Gravo qualquer música romântica, desde que me arrepie. Minhas músicas têm que ser diretas; não podem ser como aquelas piadas que a pessoa só vai rir três dias depois. Nesse sentido, não tenho pudor ou medo. Sou brega desde que nasci”, disparou Alcione, não se mostrando preocupada com os puristas do samba, que torcem o nariz para suas músicas românticas. “Há algum tempo já sou dona do meu nariz. Sei que sou sambista, mas também sou brasileira. Meu disco não pode ser linear. Nunca vou gravar um disco só de samba. Gosto de ir aonde minha intuição me leva.”

A intuição levou Alcione a gravar uma música de Gustavo Lins, jovem e inveterado pagodeiro romântico. A faixa-título, dele e de Umberto Tavares, é a primeira música de trabalho e já pode ser conferida nas rádios.

“Temos que dar chance aos novos sambistas. O fato de eu gravar uma música do Gustavo Lins vai fazê-lo se sentir mais responsável lá na frente”, defendeu Alcione, que tem feito cada vez mais sucesso entre os jovens. “De dois anos para cá, vai gente de 12 a 15 anos nos meus shows. Tenho uma responsabilidade perante esse público.”

Novo DVD em setembro

Já que o assunto é samba, Alcione gravou um punhado deles em Uma Nova Paixão. E dos bons. A ótima O Samba Vai Balançar, que mistura o ronco da cuíca a metais em brasa, marca a estréia de Sérgio Santos – parceiro de Paulo César Pinheiro na música – no rol de compositores da Marrom.

Serginho Meriti, famoso por Deixa a Vida Me Levar, hit na voz de Zeca Pagodinho, assina com Claudinho Guimarães Umas e Outras, de letra romântica porém mais poética que a média do disco. Meu Ébano (Nenéo e Paulinho Rezende) e Xequeré (Nei Lopes, Magnu Souza e Maurílio de Oliveira) jogam com sensualidade e irreverência. E Pedra 90 (Serginho Meriti, Gilson Bernini e Rody do Jacarezinho) é uma bela homenagem a Jamelão.

Para Alcione, a maior quantidade de sambas em Uma Nova Paixão é uma das diferenças desse disco em relação ao seu antecessor.

“O novo CD está bem diferente. Não há nenhuma música como Faz uma Loucura por Mim, por exemplo, que era toda quebrada. Tenho medo de ficar seguindo fórmulas”, disse Alcione.

Até mesmo quando repete-se, Alcione está em busca do diferencial. O novo CD também vai virar um DVD, como aconteceu com Ao Vivo 2 e Faz uma Loucura por Mim. Mas agora, em vez de gravar o disco audiovisual em casas de show tradicionais, como outrora, o registro será feito no Circo Voador, em setembro.

O próximo disco terá como base o repertório do novo CD. Alcione adianta qual será a música de abertura do DVD: Obrigada, canção que encerra Uma Nova Paixão e foi encomendada pela cantora junto aos compositores Chico Roque e Sérgio Caetano. Nela, a Marrom agradece aos céus pelo dom de cantar e pelo sucesso que conquistou.

“Sempre fui agradecida a Deus por tudo que Ele me deu, mas eu precisava cantar isso”, explicou Alcione, que saiu da coletiva e foi direto para o Projac, gravar novas cenas de “América”. Fez jus aos versos de Chico Roque e Sérgio Caetano: “Minha vida é um show/ E o roteiro foi Deus quem traçou”.


Veja mais:


   Disco:  Uma Nova Paixão
     Ficha técnica, faixas e compositores

Matérias relacionadas:

  Alcione volta ao estúdio mas não se livra das regravações
  Alcione lança 2º ao vivo em 2 anos
  Alcione quer vender um milhão


Resenhas relacionadas:

  Alcione e Amigos 

 
Graça Music anuncia novidades à imprensa

Grupo Toque no Altar nos Estados Unidos

Metade do Pink Floyd em disco ao vivo de David Gilmour

Oasis mantém o (bom) padrão com Dig Out Your Soul
 
Confira outras matérias
desta seção
 

 

       

 
 
Copyright 2002-2008 | Universo Musical.
É proibida a reprodução deste conteúdo sem autorização escrita ou citação da fonte.
 
Efrata Music Editora Marcos Goes Marcelo Nascimento Dupla Os Levitas Universo Produções