Busca

O UNIVERSO MUSICAL
Quem Somos
Expediente
Cadastro
Publicidade
Fale Conosco
LINKS EXTERNOS
Blog
Universo Produções
Site Marcos Bin
Orkut
MySpace
Enquete
Você é a favor do ensino obrigatório de música nas escolas, como defendem alguns artistas? Acesse nosso blog e dê sua opinião!
  O moderno som da Jovem Guarda

Divulgação
Ed Wilson (guitarra) e Miguel Plopschi (sax) no Canecão, onde foi gravado o CD e o DVD do supergrupo The Originals

Por Jailson Roque
18/07/2005


Miguel Plopschi, ex-saxofonista dos Fevers, foi quem deu o pontapé inicial nos esforços para montar uma banda com ex-integrantes dos Incríveis, Renato & Seus Blue Caps e dos próprios Fevers, os mais roqueiros grupos da Jovem Guarda.

Nenê (baixo e voz) e Netinho (bateria) vieram dos Incríveis; Almir (voz, guitarra), Pedrinho (guitarra), Cleudir (teclados) e Miguel (sax), dos Fevers; e Ed Wilson (voz, guitarra), do Renato & Seus Blue Caps. Juntos, eles formam os Originals, um supergrupo que resgata os sucessos de suas ex-bandas no CD e DVD Pra Todo Mundo Ouvir (Indie Records).

Gravado em maio, em um grande show no Canecão, o disco consagra a união de tantas feras da músicas brasileira.

“O nome do trabalho já diz tudo. Gravamos superhits das carreiras dos três conjuntos, justamente para que todo mundo possa ouvir. É para quem não conhece, conhecer, e para quem já conhece, matar saudades”, explica Miguel.

Pra Todo Mundo Ouvir
conta com participações especiais surpreendentes e muito agradáveis. Estão no disco Renato Barros (guitarra e voz em várias canções), Lobão (Você Morreu Pra Mim), Chorão (Marcas do Que Se Foi), Michael Sullivan (voz em várias faixas), Paulo Miklos (Era Um Garoto Que Como Eu Amava os Beatles e os Rolling Stones) e Erasmo Carlos (Festa de Arromba e Vem Quente Que Eu Estou Fervendo).

São 17 faixas no CD, uma delas inédita, a bela Pra Todo Mundo Ouvir, de Ed Wilson e Dudu Falcão. A música Amar Você é um dos temas da novela global “A Lua Me Disse”.

Lobão e Chorão se empolgam com The Originals

O DVD, que tem a abertura de Lobão apresentando o grupo e fazendo altos elogios à iniciativa dos Originals, conta com momentos empolgantes do “showzaço” feito pela banda. E Lobão não pára apenas na apresentação. Durante o show, ele rouba a cena fazendo solo de bateria de surpresa, junto com Netinho.

“As participações foram muito legais porque os convidados gostaram de fazer o trabalho conosco. Ficamos surpresos, pois havíamos separado algumas canções para o Chorão, mas ele já chegou dizendo que queria cantar Marcas do Que Se Foi, pois tinha a ver com ele”, conta Miguel.

Ao final do espetáculo o público é brindado com a participação de todos no palco, em um momento antológico onde Chorão e Lobão empolgam a platéia. No CD, o pot-pourri com grandes sucessos dos grupos mixados pelo DK Memê, com um drum ‘n’ bass nervoso, mostra o quão moderno é o som da Jovem Guarda.


Veja mais:


   Disco:  Pra Todo Mundo Ouvir
     Ficha técnica, faixas e compositores

 
Graça Music anuncia novidades à imprensa

Grupo Toque no Altar nos Estados Unidos

Metade do Pink Floyd em disco ao vivo de David Gilmour

Oasis mantém o (bom) padrão com Dig Out Your Soul
 
Confira outras matérias
desta seção
 

 

       

 
 
Copyright 2002-2008 | Universo Musical.
É proibida a reprodução deste conteúdo sem autorização escrita ou citação da fonte.
 
Efrata Music Editora Marcos Goes Marcelo Nascimento Dupla Os Levitas Universo Produções