Busca

O UNIVERSO MUSICAL
Quem Somos
Expediente
Cadastro
Publicidade
Fale Conosco
LINKS EXTERNOS
Blog
Universo Produções
Site Marcos Bin
Orkut
MySpace
Enquete
Você é a favor do ensino obrigatório de música nas escolas, como defendem alguns artistas? Acesse nosso blog e dê sua opinião!
  De todo mundo e de ninguém

Arquivo U.M.
Ao saber que derrotou Caetano Veloso e Gilberto Gil, Marcelo D2 disse que não se considera o melhor cantor do país

Por Marcos Paulo Bin
06/07/2005


Desta vez não houve um grande vencedor. Diferentemente das edições anteriores, que sempre destacavam um ou dois nomes, o 12º Prêmio Multishow manteve seu espírito eclético mesmo até na hora de revelar os vencedores. Marcelo D2, Pitty e O Rappa saíram-se consagrados da premiação, realizada no dia 5 de julho, no Theatro Municipal do Rio, levando dois troféus cada. Junior Lima, Skank, Ivete Sangalo e a banda Motirô foram os outros contemplados pela votação popular.

Lenine, destaque absoluto do Prêmio TIM, realizado em junho, não foi nem indicado para o Prêmio Multishow. Teve de se contentar em entregar o prêmio de Melhor Instrumentista a Junior Lima, irmão de Sandy, que derrotou medalhões como Frejat, Roberto de Carvalho e Edgard Scandurra.

Pitty era a artista com maior número de indicações: quatro, num total de dez categorias. Venceu por Melhor Videoclipe (Semana Que Vem) e, surpreendentemente, como melhor cantora, superando Ana Carolina e Maria Rita. Surpresa até para Pitty, que, ao receber o prêmio, afirmou não se considerar a melhor cantora do Brasil, embora estivesse feliz com a lembrança do público.

O troféu de Melhor Cantor a Marcelo D2 também foi polêmico. Ao saber que fora escolhido, o rapper – que venceu Caetano Veloso e Gilberto Gil na disputa – teve a mesma reação de Pitty. D2 ainda foi o melhor, segundo o público que vota pela internet, na categoria Melhor CD, com Acústico MTV.

O Rappa levou o também contestável prêmio de Melhor Show e o de Melhor Grupo. Ivete Sangalo recebeu o troféu de Melhor DVD, enquanto o Skank viu recompensada sua ótima versão para Vamos Fugir, de Gilberto Gil, com o prêmio de Melhor Música.

O grupo Motirô, formado por DJ Hum e Lino Crizz, foi escolhido a Revelação, mesmo sem ter um disco gravado – a dupla fez sucesso nas rádios com a música Senhorita, que tem participação de Cabal nos vocais. Um dia antes de participar do Prêmio Multishow, a EMI Music havia anunciado a contratação do grupo, que deve lançar seu primeiro disco em agosto.

O resultado do 12º Prêmio Multishow, restrito à música pop comercial, fez lembrar a frase dos Tribalistas, principais vencedores da 10ª edição. Os troféus foram para todo mundo, mas no fim não foram para ninguém. Ou então uma de Caetano Veloso, pior cantor que Marcelo D2 segundo a classe média que assiste ao canal e tem acesso à internet para participar das votações: alguma coisa está fora da ordem.


Veja mais:


  Confira os indicados e os vencedores do 12º Prêmio Multishow


Matérias relacionadas:

  Pitty é recordista de indicações ao 12° Prêmio Multishow
  Os vencedores do X Prêmio Multishow

 
Graça Music anuncia novidades à imprensa

Grupo Toque no Altar nos Estados Unidos

Metade do Pink Floyd em disco ao vivo de David Gilmour

Oasis mantém o (bom) padrão com Dig Out Your Soul
 
Confira outras matérias
desta seção
 

 

       

 
 
Copyright 2002-2008 | Universo Musical.
É proibida a reprodução deste conteúdo sem autorização escrita ou citação da fonte.
 
Efrata Music Editora Marcos Goes Marcelo Nascimento Dupla Os Levitas Universo Produções