Busca

O UNIVERSO MUSICAL
Quem Somos
Expediente
Cadastro
Publicidade
Fale Conosco
LINKS EXTERNOS
Blog
Universo Produções
Site Marcos Bin
Orkut
MySpace
Enquete
Você é a favor do ensino obrigatório de música nas escolas, como defendem alguns artistas? Acesse nosso blog e dê sua opinião!
  Um encontro longo, histórico e inesquecível

www.jprevistas.com
Joe Satriani levou o público ao delírio com seu principal sucesso, Always with Me, Always with You

Por Felipe Resende
07/12/2004

Nada como terminar um grande show de rock com Rockin’ in The Free World, clássico de Neil Young que, há quase quatro anos, o próprio guitarrista canadense tocava e levava milhares de pessoas ao delírio na terceira edição do Rock in Rio. No dia 3 de dezembro, os guitarristas Steve Vai, Joe Satriani e Robert Fripp pegaram a música emprestada para encerrar o show que promoveram juntos no Claro Hall, no Rio, no dia 3 de dezembro.

O encontro, que pela primeira vez passa pela América Latina, faz parte do projeto G3, criado por Steve Vai e Joe Satriani em 1996. O objetivo era que, nos shows, cada um fizesse inicialmente performances solo mas ao final se juntassem no palco, sempre com um guitarrista convidado. A primeira escalação tinha como terceiro componente Kenny Wayne Shepherd. A segunda, com Eric Johnson no lugar de Shepherd, gravou o álbum Live in Concert. No início de 2004, já com Yngwie Malmsteen, eles lançaram um novo disco, chamado exatamente Rockin’ in The Free World (que é o nome da última faixa). Agora o G3 vive sua quinta formação, tendo como convidado Robert Fripp, guitarrista da banda King Crimson.

Solos inesgotáveis

Fripp foi o primeiro a tocar. Com sua guitarra limpa e seu estilo progressivo, que lembra os anos 70, ele abusou de samplers e sintetizadores. Era apenas o aquecimento para o melhor da noite.

Steve Vai veio a seguir. Virtuose e performático, ele foi acompanhado do baixista Billy Sheehan, que tocou na banda Mr Big. Vai fez da guitarra uma extensão do seu corpo, com uma série de solos inesgotáveis e intermináveis. O guitarrista sustentava longas notas agudas com vários crescendos, sempre acompanhados de performances corporais, além de várias seqüências de notas rápidas que levaram os amantes do metal à loucura. Destaque para For The Love of God, que fez o público delirar.

Outro palco montado, e Satriani disparou seu maior sucesso, Always with Me, Always with You (conhecida no Brasil no anúncio do cigarro Free), logo entre as primeiras músicas de seu show. Apresentando um diálogo com o funk e o blues, o guitarrista ficou mais preso a uma área do palco, desfilando seus solos sempre com boa divisão musical.

Encerrado seu show, Satriani chamou ao palco Steve Vai e Robert Fripp para tocarem juntos e mais solos foram disparados de suas guitarras, com o fecho da jurássica Rockin’ in The Free World. Um encontro um pouco longo, mas sem dúvida histórico e inesquecível.

 
Graça Music anuncia novidades à imprensa

Grupo Toque no Altar nos Estados Unidos

Metade do Pink Floyd em disco ao vivo de David Gilmour

Oasis mantém o (bom) padrão com Dig Out Your Soul
 
Confira outras matérias
desta seção
 

 

       

 
 
Copyright 2002-2008 | Universo Musical.
É proibida a reprodução deste conteúdo sem autorização escrita ou citação da fonte.
 
Efrata Music Editora Marcos Goes Marcelo Nascimento Dupla Os Levitas Universo Produções