Busca

O UNIVERSO MUSICAL
Quem Somos
Expediente
Cadastro
Publicidade
Fale Conosco
LINKS EXTERNOS
Blog
Universo Produções
Site Marcos Bin
Orkut
MySpace
Enquete
Você é a favor do ensino obrigatório de música nas escolas, como defendem alguns artistas? Acesse nosso blog e dê sua opinião!
  Som Livre apresenta os partideiros do século 21

Divulgação
No Circo Voador, Ircéa, irmã de Zeca Pagodinho, vai cantar com Arlindo Cruz. Já Cassiana, filha de Jovelina, dividirá os vocais com Leci Brandão

Por Marcos Paulo Bin
25/11/2004

No dia 29 de novembro, o Circo Voador, no Rio, viverá o contraste entre a nostalgia e a vanguarda. Quase 20 anos depois, a gravadora Som Livre reviverá, no palco, o LP Raça Brasileira, que em 1985 lançou Zeca Pagodinho, Jovelina Pérola Negra, Mauro Diniz, Pedrinho da Flor e Elaine Machado. O show vai gerar o CD ao vivo e o DVD Raça Brasileira – 20 Anos.

O elenco do século 21 é formado por parentes ou apadrinhados de grandes bambas da música brasileira. Estarão no palco as cantoras Ircéa, irmã de Zeca Pagodinho, e Cassiana, filha de Jovelina Pérola Negra; os compositores Marquinho China e Guilherme Nascimento; e o grupo Partideiros do Cacique, considerado pelo Fundo de Quintal como seus herdeiros. O grupo de Bira Presidente e Ubiraci é um dos convidados do espetáculo, que terá também participações de Beth Carvalho, Leci Brandão, Almir Guineto, Arlindo Cruz, Sombrinha, Mauro Diniz, Monarco, Luiz Carlos da Vila e Wilson Moreira. Zeca Pagodinho ainda não está confirmado, mas pode aparecer por lá.

Diretor do show e produtor do CD/DVD, Marcus Salles conta que a idéia do espetáculo e dos discos foi unir a comemoração dos 20 anos daquele LP – do qual foi co-produtor – com a oportunidade de lançar novos talentos.

“Na época, foi meu segundo trabalho de produção, sob o comando do Milton Manhães, com quem aprendi muito”, lembra Marcus. “Agora, levei a idéia para a Som Livre de fazer um disco com a Cassiana, filha da Jovelina, a Ircéa, irmã do Zeca Pagodinho, os compositores Guilherme Nascimento e Marquinho China e ainda o grupo Partideiros do Cacique. São nomes de talento e que irão surpreender.”

A presença de convidados consagrados, segundo o produtor, é uma forma de ajudar os novos talentos a engatar na carreira solo. Ainda mais nesses tempos tão difíceis da indústria fonográfica, combalida pela pirataria e vítima da ditadura do rádio, que há muito tempo deixou de espelhar o que é a música popular brasileira. Marcus Salles sabe que os tempos de hoje não são os mesmos de outrora, mas acredita no sucesso dessa nova geração.

“Espero que o efeito seja, pelo menos, o mesmo daquela época. Ou seja, que, como da outra vez, todos eles façam seus discos solo”, diz Marcus Salles. “O novo elenco tem talento e a idéia é cair na estrada logo após a gravação. Já estou montando o show ‘Raça Brasileira – 20 Anos’ e nos próximos dias acertaremos com um bom empresário.”

Repertório traz inéditas e sucessos

Os arranjos e a regência das músicas são de Mauro Diniz. O repertório irá misturar canções inéditas e regravações, com os novos talentos cantando sozinhos ou acompanhados dos bambas. O show abre com a inédita Tamarineira, de Mauro Diniz, que fala dos áureos tempos de pagode no Cacique de Ramos. Marcus Salles diz que a música, que será interpretada pelos Partideiros do Cacique, é diferente de Doce Refúgio, clássico de Luiz Carlos da Vila que tem o mesmo assunto.

“Aquele era um partido-alto. Este é um samba mais dolente”, adianta o produtor.

As outras canções novas são Força do Amor, partido-alto de Guilherme Nascimento e Roberto Serrão, já conhecido em muitas rodas de samba, que será interpretado pelo primeiro; Feliz Amanhecer, da mesma dupla, na voz de Ircéa; Meu Pressentimento, de Marquinho China e Jotabê, com Marquinho e Os Partideiros do Cacique; e Ah, Maria, música de Licinho e Tantinho da Mangueira que será cantada também pelos Partideiros.

As regravações evocam os grandes pagodes dos anos 80. Beth Carvalho cantará a música-título do disco. Leci Brandão homenageará Jovelina, ao lado de Cassiana, com as três músicas que ela gravou no LP: Pomba Rolou, Feirinha da Pavuna e Bagaço da Laranja, todas enormes sucessos e já regravadas por inúmeros sambistas.

Luiz Carlos da Vila divide os vocais com China em Aquela Imagem. Com Sombrinha, ele canta, pela primeira vez, Além da Razão, sucesso que compuseram juntos. Sombrinha ainda participa de Samba Valente, com Cassiana.

Arlindo Cruz canta o pot-pourri Saudade Louca/Fora de Ocasião com Ircéa. Já Wilson Moreira une-se aos Partideiros para relembrar Quintal do Céu, célebre parceria dele com Jorge Aragão. E Monarco canta o hino Coração em Desalinho com Marquinho China.

Marcus Salles diz que não é só, e garante que ao longo do show haverá algumas surpresas. Uma delas começa antes mesmo da apresentação: o preço do ingresso custa apenas R$ 16. Além de ser um programão para uma segunda-feira, é a chance de conhecer, em primeira mão, os futuros Zeca Pagodinho, Fundo de Quintal, Jovelina Pérola Negra...


Veja mais:


  Serviço: confira como será o show “Raça Brasileira”

 
Graça Music anuncia novidades à imprensa

Grupo Toque no Altar nos Estados Unidos

Metade do Pink Floyd em disco ao vivo de David Gilmour

Oasis mantém o (bom) padrão com Dig Out Your Soul
 
Confira outras matérias
desta seção
 

 

       

 
 
Copyright 2002-2008 | Universo Musical.
É proibida a reprodução deste conteúdo sem autorização escrita ou citação da fonte.
 
Efrata Music Editora Marcos Goes Marcelo Nascimento Dupla Os Levitas Universo Produções