Busca

O UNIVERSO MUSICAL
Quem Somos
Expediente
Cadastro
Publicidade
Fale Conosco
LINKS EXTERNOS
Blog
Universo Produções
Site Marcos Bin
Orkut
MySpace
Enquete
Você é a favor do ensino obrigatório de música nas escolas, como defendem alguns artistas? Acesse nosso blog e dê sua opinião!
  Novo disco de Maria Rita poderá incluir rap

Maria Rita no Claro Hall, onde não se apresentava desde fevereiro. Os músicos dela estão mais entrosados, mas a cantora ainda se mostra tímida no palco

Por Marcos Paulo Bin
15/10/2004

Nos dias 9 e 10 de outubro, Maria Rita apresentou-se mais uma vez no Claro Hall, no Rio de Janeiro. Desta vez, a novidade era o fato de ser o primeiro show dela na cidade depois da cerimônia do Grammy Latino, onde levou três troféus. Musicalmente, o que se pôde constatar é que o tempo está fazendo bem à cantora. Sua banda, pelo menos, está mais solta no palco, mais coesa e até improvisando mais, algo raro nos shows anteriores, como o U.M. reportou na última aparição da filha de Elis na casa de shows da Barra da Tijuca, em fevereiro.

Embora o repertório dos shows tenha sido exatamente igual – diferença, mesmo, só na ordem das músicas – o mais recente foi bem melhor que o anterior. Além de a banda estar mais entrosada, Maria Rita, aos poucos, vai soltando mais a voz, mostrando que tem boa extensão vocal e é uma ótima cantora.

Mas a timidez no palco continua. Embora as histórias que ela conte sejam divertidas e animem o público, é visível que esta é uma forma de conter os nervos à flor da pele. Aliás, as histórias continuam as mesmas – o encontro com Lenine, ídolo dela, no pré-reveillon de Copacabana, ano passado; a regravação de Menininha do Portão, registrada originalmente por Wilson Simonal com arranjos de César Camargo Mariano, pai da cantora; os elogios a Marcelo Camelo, autor de três canções de seu primeiro disco, e outras cositas más, que os fãs ardorosos, que não são poucos, já conhecem de cor. Maria Rita, inclusive, agradeceu efusivamente a presença do público no show do dia 9.

“Muito obrigado por terem vindo me assistir. Aqui é muito longe. Levei uma hora e meia do aeroporto para chegar!”, disse ela, que também teceu loas ao Rio. “Que cidade bonita a de vocês. E pensar que quarta-feira eu tenho que voltar para São Paulo... Mas lá é legalzinho também!”

O repertório é o mesmo, e os pontos altos continuam iguais: os sambas Cara Valente, de Marcelo Camelo, e Conta Outra, de Edu Tedeski, música que deve estar no próximo disco de Maria Rita. Mas a cantora cometeu um grande equívoco: deixou seu atual sucesso, Encontros E Despedidas, de Milton Nascimento – nada menos que o tema de abertura da novela das oito – para o bis. O público vibrou, ficou de pé e aplaudiu longamente, para depois assistir ao fim do espetáculo com a repetição de Cara Valente.

Cantora recebe Troféu U.M. no camarim

Maria Rita, que não é de receber convidados no camarim, não teve outra alternativa, dada a grande quantidade de famosos globais, como Suzana Vieira, uma das protagonistas da novela que, todas as noites, começa com a música Encontros E Despedidas. Entre um e outro cumprimento, Maria Rita recebeu o Troféu U.M. como destaque de 2003 nas categorias Revelação e Melhor Artista de MPB.

Em uma breve entrevista, a cantora disse que seu novo disco só deverá sair no início do segundo semestre de 2005. Ela deixou no ar se realmente gravará um rap, como anda sendo especulado.

“Essa história vem de antes do meu primeiro disco. O pessoal está louco para me ouvir cantando rap... Mas não sei ainda”, disse Maria Rita, que já está começando a escolher o repertório para seu 2° CD.

No camarim, especulava-se que a Warner lançará ainda este ano um CD de Maria Rita com apenas cinco faixas, entre elas Tristesse, que aparece só no DVD. O objetivo seria “zerar tudo”, para que em 2005 a cantora venha com repertório totalmente novo. A assessoria de imprensa da gravadora negou o fato.



Matérias relacionadas:

  Maria Rita aprofunda a veia jazzística no CD Segundo
  Os altos e baixos do show de Maria Rita
  Maria Rita em busca da identidade

 
Graça Music anuncia novidades à imprensa

Grupo Toque no Altar nos Estados Unidos

Metade do Pink Floyd em disco ao vivo de David Gilmour

Oasis mantém o (bom) padrão com Dig Out Your Soul
 
Confira outras matérias
desta seção
 

 

       

 
 
Copyright 2002-2008 | Universo Musical.
É proibida a reprodução deste conteúdo sem autorização escrita ou citação da fonte.
 
Efrata Music Editora Marcos Goes Marcelo Nascimento Dupla Os Levitas Universo Produções