Busca

O UNIVERSO MUSICAL
Quem Somos
Expediente
Cadastro
Publicidade
Fale Conosco
LINKS EXTERNOS
Blog
Universo Produções
Site Marcos Bin
Orkut
MySpace
Enquete
Você é a favor do ensino obrigatório de música nas escolas, como defendem alguns artistas? Acesse nosso blog e dê sua opinião!
  Acima de todos os clichês

Reprodução
Em seu mais recente CD para o público adulto, Eternamente, Cristina Mel se supera na escolha do repertório e na interpretação das canções. O disco é um dos melhores de sua carreira

Por Marcos Paulo Bin

Para um jornalista, usar clichês é terrível. Mas, neste caso, a frase não é só aplicável, como também vai além de seu significado usual. Então, vamos a ela: Cristina Mel é como vinho – a cada ano fica melhor. E mais bonita. E mais simpática. E com uma voz cada vez mais linda e suave.
Em seu mais recente CD adulto, Eternamente, lançado no fim de 2003, Cristina prova que o passar do tempo só está lhe fazendo bem. Basta pegar aquela cantora que começou a carreira fazendo versões para músicas de Amy Grant e comparar com a de hoje, capaz de lançar um disco tão belo como Eternamente, para confirmar isso. A cada ano, e a cada disco, Cristina Mel aperfeiçoa a escolha dos compositores – e, conseqüentemente, do repertório – está mais criativa, mais confiante – apesar das trocas constantes de gravadora – e, principalmente, mais ungida. Suas canções lavam a alma, trazem paz, encantam, emocionam.
As qualidades de Cristina Mel são notórias para quem acompanha a música evangélica. Mas em Eternamente a cantora conseguiu se superar. Mais do que um punhado de lindas canções – 13 no total – Cristina está cantando excepcionalmente. Nas fotos do encarte  do disco, ela esbanja uma alegria que se transfere para as canções. Até sua pele parece estar mais lisa, mais jovem. Para a alegria dos fãs, e de quem gosta de boa música, Cristina parece ter superado todos os problemas pessoais por que passou em 2002 e que quase a fizeram desistir da carreira. Ou, como preferem os evangélicos, ministério. Essa palavra pode até ser outro clichê, mas, novamente, aplica-se como uma luva a Cristina Mel. Ela não canta, ministra. Não canta, encanta. Não canta, emociona.

Qualidade garantida

Toda essa “rasgação-de-seda” acima é bem compreensível para quem já teve a felicidade de ouvir Eternamente. No meio musical, tanto o secular quanto o evangélico, é muito difícil, para não dizer quase impossível, um CD ser bom do início ao fim. Talvez esteja aí um dos motivos para a pirataria – um cantor faz sucesso com uma determinada música, e alguns compram seu disco pensando que o restante do repertório é do mesmo nível. Como isso dificilmente acontece, a sempre eficiente propaganda boca a boca reduz as vendagens daquele disco.
Está aí também outro motivo para a enxurrada de discos ao vivo que cai sobre o mercado fonográfico brasileiro. Para as gravadoras, é muito mais fácil vender um disco com um repertório que as pessoas conhecessem do início ao fim do que um com músicas novas. E aí começa (ou melhor, já começou) o ciclo vicioso que gera simulacros de lucros e que tende a acabar de vez com o mercado fonográfico como o conhecemos hoje.
Mas com Cristina é diferente. A cada disco ela se renova, sem perder a qualidade. Quem compra seus discos sabe que eles não resumem a uma ou duas músicas. Uma qualidade que os crentes conhecessem, mas que as gravadoras nem sempre reconhecem. Injustamente, Cristina não consegue se fixar em uma companhia. Ela passou por grande empresas fonográficas como a MK Publicitá e a Line Records; por outras de médio porte, como a Bompastor, e nos últimos anos tem encontrado espaço apenas em gravadoras pequenas.
Quando pensava-se que ela iria se fixar na Franc Records, a companhia acabou. Agora, Cristina lança Eternamente pela Clevan Music, onde, diz a cantora, ela pretende permanecer. Como até mesmo o artista secular Jorge Benjor sabe, e diz em uma de suas músicas, Deus é justo e verdadeiro. Mais do que isso, Ele sabe de tudo. E certamente guardará muitas bênçãos e vitórias para esta serva fiel Dele, que através de suas músicas leva conforto e esperança a tantas pessoas.



Veja mais:


  Cantora quer lançar DVD
  Entrevista com Cristina Mel: “minha voz, minha vida e tudo que sou pertencem a Deus”
   Disco:  Eternamente
     Ficha técnica, faixas e compositores

Matérias relacionadas:

  Line Records promove avant-première do DVD de Cristina Mel
  Emoção, técnica e sucessos na gravação do 1º DVD de Cristina Mel
  Exclusivo: Cristina Mel retorna à Line Records e prepara CD e DVD ao vivo
  Sempre é tempo de ser criança para Cristina Mel
  Cristina Mel para crianças


Resenhas relacionadas:

  Recomeçar
  Seleção de Ouro – Volume 2
  Tempo de Ser Criança
  Seleção de Ouro

 
Graça Music anuncia novidades à imprensa

Grupo Toque no Altar nos Estados Unidos

Metade do Pink Floyd em disco ao vivo de David Gilmour

Oasis mantém o (bom) padrão com Dig Out Your Soul
 
Confira outras matérias
desta seção
 

 

       

 
 
Copyright 2002-2008 | Universo Musical.
É proibida a reprodução deste conteúdo sem autorização escrita ou citação da fonte.
 
Efrata Music Editora Marcos Goes Marcelo Nascimento Dupla Os Levitas Universo Produções