Busca

O UNIVERSO MUSICAL
Quem Somos
Expediente
Cadastro
Publicidade
Fale Conosco
LINKS EXTERNOS
Blog
Universo Produções
Site Marcos Bin
Orkut
MySpace
Enquete
Você é a favor do ensino obrigatório de música nas escolas, como defendem alguns artistas? Acesse nosso blog e dê sua opinião!
  Nova coletânea de Elvis traz música inédita do Rei do Rock

www.elvissecondtonone.com
A nova coletânea de Elvis traz uma música inédita, I’m A Roustabout, que seria incluída na trilha de um filme de 1964, mas foi rejeitada. “A música é um rock rápido e divertido”, define Winfield Scott, autor da canção ao lado de Otis Blackwell
Mais de 9 milhões de discos vendidos em todo o mundo (3,5 milhões nos Estados Unidos e 250 mil no Brasil) em 2002, atingindo topo das paradas em 26 países, primeiro lugar em execução nas rádios de A Little Conversation (remixada pelo DJ JXL) e uma geração inteira apresentada à música do maior mito do rock mundial de todos os tempos foram motivos mais do que suficientes para a BMG lançar, em 2003, a continuação de Elvis 30 #1 Hits.
Elvis 2nd to None chegou às lojas no dia 6 de outubro procurando preencher as lacunas deixadas pela coletânea anterior. Mas o disco não se resume às músicas que alcançaram os primeiros lugares nas paradas de sucesso. Há ainda outras canções que marcaram a carreira de Elvis mas que não atingiram o topo dos charts, músicas menos conhecidos – mas nem por isso piores – uma inédita e outro remix, desta vez feito pelo DJ e produtor Paul Oakenfold, que, ao que tudo indica, tem tudo para repetir o sucesso de A Little Less Conversation.
As 30 faixas – muitas com menos de dois minutos – aparecem em ordem crescente de gravação, de 1954 a 1976, misturando r&b, rock, pop, country, gospel e rockabilly. Novamente, todas as músicas foram mixadas e masterizadas a partir das fitas originais, garantindo perfeita qualidade sonora.
Elvis 2nd to None não traz tantos sucessos quanto 30 #1 Hits. Mesmo assim, a lista é considerável. Entre os hits que fizeram (muita) falta na primeira coletânea estão That’s All Right, Blue Suede Shoes, I Want You, I Need You, I Love You, Viva Las Vegas, Don’t Cry Daddy e Always on My Mind. Mas há outros grandes momentos, como as agitadas Mean Woman Blues, Treat Me Nice, Wear My Ring Around Your Neck (um dos melhores momentos), Trouble e Little Sister; e as baladas Loving You, If I Can Dream, You Don’t Have to Say You Love Me e An American Triology (ao vivo). Mesmo com 61 faixas, somando-se os dois discos, ainda há sucessos faltando (o que é proposital, para a BMG valorizar outros discos já lançados do cantor e outros a lançar). Sweet Caroline, por exemplo, não aparece nem em 30 #1 Hits nem em 2nd to None.
A BMG criou um grande site sobre o disco (www.elvissecondtonone.com), que traz vídeos raros, fotos, jogos e a história de cada música. Ainda é possível baixar músicas exclusivas e ouvir trechos do disco, bem como entrevistas de Elvis e de pessoas relacionadas a ele ou ao disco.
O encarte de 2nd to None é outro achado. Ele traz fotos de Elvis com textos dizendo algumas de suas façanhas, como ser o primeiro artista a criar histeria nos fãs, a ser censurado, a ter um jatinho particular, a fazer um show acústico e a fazer um show inteiro televisionado para todo o mundo. Além disso, há um release assinado pelo produtor e pesquisador de 2nd to None, Ernest Mikael Jorgensen (responsável pelas duas coletâneas) e um texto contando a história do cantor, escrito por Peter Guralnick, autor dos livros “Last Train to Memphis” e “Careless Love”, os dois volume da biografia de Elvis.

CD traz música inédita

A grande novidade de Elvis 2nd to None é a inédita I’m A Roustabout. A música, um rockabilly típico de Elvis, foi escrita em 1994 por Winfield Scott e Otis Blackwell – autores, entre outros sucessos de Elvis, de Return to Sender – para ser o principal tema do filme “Roustabout”, mas, rejeitada pelo produtor do filme, Hal Wallis, acabou nunca sendo usada. “A música é um rock rápido e divertido”, define Scott, em entrevista à BMG.
I’m A Roustabout foi descoberta meio por acaso. Scott não lembrava mais da música quando, em entrevista a um repórter de Nova Jersey, disse que havia uma cópia de uma canção que escrevera para um filme de Elvis mas que nunca fora usada. Alguns dias depois ele recebeu uma ligação de produtor Jorgensen, que havia sido entrevistado pelo mesmo jornalista.
“Pela conversa com o repórter, Jorgensen percebeu que a canção que eu tinha era a minha versão de Roustabout. Ele veio até minha casa, ouviu a gravação e logo fizemos um acordo”, conta Scott.
Para Joseph DiMuro, vice-presidente executivo de marketing estratégico do grupo BMG, I’m A Roustabout é uma das descobertas mais inacreditáveis da música moderna. “Raramente encontramos materiais inéditos de artistas do calibre de Elvis para disponibilizar uma trilha completa e original. Estamos bastante ansiosos para compartilhar esse presente com os amantes de música de todo o mundo”, diz o executivo, no release de divulgação do disco.
Já Jack Soden, presidente da Elvis Presley Enterprises, se diz emocionado com mais este recente capítulo do legado do cantor. “Este lançamento é a continuação natural da produção do ano passado. Acreditamos que os fãs de música de todas as gerações continuarão a se apaixonar pela música de Elvis”, diz Soden.


Veja mais:


  Elvis: uma breve biografia
   Disco:  Elvis 2nd to None
     Ficha técnica, faixas e compositores

Resenhas relacionadas:

  Rubberneckin’
  Elv1s 30 #1 Hits
 
Graça Music anuncia novidades à imprensa

Grupo Toque no Altar nos Estados Unidos

Metade do Pink Floyd em disco ao vivo de David Gilmour

Oasis mantém o (bom) padrão com Dig Out Your Soul
 
Confira outras matérias
desta seção
 

 

       

 
 
Copyright 2002-2008 | Universo Musical.
É proibida a reprodução deste conteúdo sem autorização escrita ou citação da fonte.
 
Efrata Music Editora Marcos Goes Marcelo Nascimento Dupla Os Levitas Universo Produções