Busca

O UNIVERSO MUSICAL
Quem Somos
Expediente
Cadastro
Publicidade
Fale Conosco
LINKS EXTERNOS
Blog
Universo Produções
Site Marcos Bin
Orkut
MySpace
Enquete
Você é a favor do ensino obrigatório de música nas escolas, como defendem alguns artistas? Acesse nosso blog e dê sua opinião!
  Zeca Pagodinho vai além do óbvio em seu Acústico MTV

Divulgação/Vera Donato
A Velha Guarda da Portela participou do pot-pourri O Sonho Não Acabou/Vivo Isolado do Mundo e das músicas Vai Vadiar e Coração em Desalinho
Zeca Pagodinho não tem experimentado apenas novas marcas de cerveja. Nos dias 9 e 10 de setembro, o sambista mais popular do Brasil gravou, no Pólo de Cinema e Vídeo, no Rio, o seu Acústico MTV, previsto para ser lançado em CD em novembro e em DVD em dezembro. É o primeiro acústico da emissora dedicado ao samba dito “de raiz” – vale lembrar que os pagodeiros do Art Popular gravaram um CD nesse formato em 2000, e em 2002 Alexandre Pires despediu-se do Só pra Contrariar gravando um unplugged que não era da MTV.
Embora até possa parecer, não há nada de estranho no fato de Zeca Pagodinho gravar um disco pela MTV, conhecida pela programação roqueira. Afinal, tem alguém mais pop que ele? Até mesmo quem jura de pé junto não gostar de samba diz de boca cheia que gosta de Zeca Pagodinho. O que é difícil de entender é por que um cantor ou grupo de samba/pagode grava um disco nesse formato, já que sua música é essencialmente acústica. Ou melhor, difícil de aceitar, pois a explicação é simples e está no fato de esta ser uma marca consagrada pelo público, de sucesso quase certo. Grande vendedor de discos, Zeca não precisava disso.
Mas se não conseguiu fugir ao caráter comercial do formato e da própria MTV, o sambista carioca protagonizou uma superprodução, que tem tudo para se transformar em seu maior êxito em vendas e no grande boom da indústria para o Natal e o início de 2004. Foram 42 músicos no palco, entre “populares” e “eruditos”; à ótima banda de Zeca (formada por nomes experientes como o percussionista Marcos Esguleba e o cavaquinista Henrique Cazes) somaram-se integrantes da Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal, da Orquestra Petrobras Pró-Música, do Quarteto Guerra-Peixe e do Quarteto Bessler. A direção musical, como de costume, foi do maestro Rildo Hora, e a direção geral, de Joana Mazuchelli.


Faixa-bônus em trilha de filme

Zeca Pagodinho grava seu Acústico MTV apenas dois discos depois de lançar um álbum ao vivo, em que releu seus principais sucessos. Os CDs de estúdio desse intervalo foram muito bem-sucedidos: Água da Minha Sede gerou sucessos como a faixa-título, Jura, Maneco Teleco-Teco e Vacilão e vendeu mais de 600 mil cópias, enquanto Deixa A Vida Me Levar, com mais de 500 mil cópias vendidas, foi responsável pelos hits Deixa A Vida Me Levar, Caviar e Tá Ruim Mas Tá Bom.
No repertório de 25 músicas, Zeca não se preocupou em fugir das músicas que gravara no disco ao vivo de 1999. Nove delas repetem-se no Acústico: Chico Não Vai na Corimba (em pot-pourri com Vou Botar Teu Nome na Macumba), Faixa Amarela, Não Sou Mais Disso, Vivo Isolado do Mundo (em pot-pourri com O Sonho Não Acabou), Vai Vadiar, Coração em Desalinho, Posso Até Me Apaixonar, Sambas pras Moças e Verdade.
Entre os sucessos que ficaram de fora daquele disco, Zeca resgata Quando Eu Contar Iaiá, Brincadeira Tem Hora (as duas em pot-pourri) e Patota do Cosme, entre outras, além de relembrar parcerias com amigos ilustres como Lama nas Ruas, com Almir Guineto. Quase todos os hits de seus últimos dois trabalhos de estúdio também estão presentes: de Água da Minha Sede, foram regravados Maneco Teleco-Teco, Vacilão, Jura e Alto Lá; de Deixa A Vida Me Levar, Caviar e a faixa-título. Aqui, uma curiosidade: desde que Verdade estourou, no disco Deixa Clarear, de 96, Zeca utiliza a canção para encerrar em grande estilo seus shows (o disco ao vivo acaba com a música). Mas, com o sucesso ainda maior de Deixa A Vida Me Levar, ela foi a escolhida para encerrar o Acústico e deve ser a música que fechará os shows da futura turnê também.
Como já é tradição nos Acústicos – e geralmente são mais bem-sucedidos os que utilizam essa regra – Zeca grava quatro canções inéditas: Lá Vai Marola (Serginho Meriti, um dos autores de Deixa A Vida Me Levar, e Claudinho Guimarães), Comunidade Carente (Barbeirinho, Luiz Grande e Marvos Diniz), O Penetra (Zé Roberto, autor de Vacilão) e Pago pra Ver (Nelson Rufino, um dos autores de Verdade, e Toninho Geraes). Também seguindo a tradição, há a participação da Velha Guarda da Portela, no pot pourri O Sonho Não Acabou/Vivo Isolado do Mundo e em Vai Vadiar e Coração em Desalinho. O disco trará ainda como faixa-bônus Pra Frente Brasil, de Miguel Gustavo, que já foi gravada em estúdio e fará parte da trilha sonora do filme do Casseta & Planeta.


Cantor acerta no repertório

Se não conseguiu fugir de certas formalidades impostas pela MTV, Zeca Pagodinho acertou em cheio naquilo que é de sua inteira responsabilidade e no que a emissora não pode interferir: a escolha do repertório. Mesmo com um recente disco ao vivo, com muitos de seus sucessos, e apenas dois álbuns de estúdio depois, Zeca conseguiu gravar um novo “greatest hits” bastante diferente do anterior – se era inevitável repetir algumas canções, o Ao Vivo ainda guarda seu charme, por conter pérolas exclusivas como o pot-pourri Feirinha da Pavuna/Luz do Repente/Bagaço da Laranja, Sem Essa de Malandro Agulha, Camarão Que Dorme A Onda Leva e Sapopemba E Maxambomba.
E os dois maravilhosos trabalhos de estúdio também não precisarão sair do aparelho de som: eles guardam jóias como Água da Minha Sede, Tá Ruim Mas Tá Bom, Pra Gente Se Amar e muitas outras. Zeca experimentou e, em novembro, será a vez do público. E ele vai gostar.



Veja mais:


  Confira o repertório de Acústico MTV


Matérias relacionadas:

  Zeca Pagodinho volta a mostrar o lado compositor no CD À Vera
  Zeca Pagodinho e parceiros estrelam curta-metragem
  O samba acústico de Zeca Pagodinho
 
Graça Music anuncia novidades à imprensa

Grupo Toque no Altar nos Estados Unidos

Metade do Pink Floyd em disco ao vivo de David Gilmour

Oasis mantém o (bom) padrão com Dig Out Your Soul
 
Confira outras matérias
desta seção
 

 

       

 
 
Copyright 2002-2008 | Universo Musical.
É proibida a reprodução deste conteúdo sem autorização escrita ou citação da fonte.
 
Efrata Music Editora Marcos Goes Marcelo Nascimento Dupla Os Levitas Universo Produções